chafan12014 - O contato com os mortos tem ocorrido ao longo da história humana e assume diferentes formas, tais como sonhos, visões e alucinações auditivas, espontâneas ou induzidas através de estado de transe. Em muitas culturas, os espíritos dos mortos ...

    facer1Por Regis Mesquita - A escolha dos pais com os quais o espírito vai encarnar (como filho) acontece justamente porque eles podem oferecer ao espírito a possibilidade de “ativar” determinados complexos de encarnações passadas. Isto significa que a criança terá naquela família as dificuldades e facilidades necessárias para ela cumprir aquilo que foi planejado antes de nascer (missão de vida). - O retorno do espírito para ...

    fantagor1Por Ligia Cabús - Os ocultistas da Alta Magia Ocidental bem como os adeptos da Teosofia [que professam a Doutrina Secreta de origem budista hindu-tibetana] se opõem à idéia dos Espíritas no que se refere à natureza dos fantasmas. Não acreditam que as manifestações sejam da real essência do Espírito desencarnado: "os espíritos dos mortos não podem voltar à Terra - salvo em casos raros e excepcionais... O que aparece [nas sessões espíritas e nos lugares assombrados] é, tão somente, fantasma do homem" [BLAVATSKY, 1983 p. 46].

    muju topoO Museu Julio de Castilhos foi criado pelo decreto-lei no 589, de 30 de janeiro de 1903, pelo Presidente do Estado (naquela época não se usava a denominação governador, mas sim, interventor, presidente, etc), Antônio Augusto Borges de Medeiros. Inicialmente o museu foi denominado “Museu do Estado”. Em 1907, passou a chamar-se “Museu Julio de Castilhos”, em homenagem a esse ex-presidente do Rio Grande do Sul, falecido em 1903. Esse museu foi o primeiro do Estado do Rio Grande do sul e a quinta mais antiga do Brasil, e, como era comum na época, seu acervo abrangia artefatos indígenas, peças históricas, obras de arte, coleções de zoologia, botânica e mineralogia. Ou seja, buscava-se reunir um “gabinete de curiosidades” ...

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco