A Alegria e o Terror, o casulo e a borboleta

casulo1Sexta-feira, 2 de julho de 2010. O.M. AIVANHOV – 20 de junho  Mensagem de 20 de junho (publicada em 01-07-10) . Bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los. Então, de início, deixem-me, contrariamente a meu hábito, expressar-me um pouco sobre as circunstâncias planetárias. Vou lhes falar do jornal intergaláctico e atual, nesse domingo de sua Terra, para assinalar que vocês entram no período do solstício e de grandes movimentos planetários anunciadores de grandes mudanças. Então, não vou voltar sobre as festividades e o programa que os espera.

Tudo isso, vocês o perceberão, no tempo e na hora. Mas tenho que insistir sobre o modo como vocês terão que assistir e participar das festividades. Porque, obviamente, o mais importante, não é assistir ao espetáculo, mas ver qual o efeito fará o espetáculo sobre vocês, não é? Então, não haverá trinta soluções, não é? Vocês não sairão do espetáculo dizendo: “está bem, foi bom”. Não, vocês viverão o espetáculo! Mas vocês viverão o espetáculo de dois modos e somente de dois modos possíveis. A vocês cabe escolher e decidir, não é?

 
Vocês estão nos instantes finais desta preparação: ou vocês a viverão na Alegria, o que eu desejo para o maior número de vocês, presentes aqui e em outros lugares (bicicleta ou não bicicleta, não é?), ou no terror. É tão simples assim, não haverá meias-medidas com relação ao que vem e, em minha vida, insisti, certamente muito menos que meu Mestre Bença Deunov, sobre o final desta Dimensão. Ele falou, de maneira muito exata, relativamente ao final desta Dimensão no Fogo. Mas vocês não estão, como o sabem, no final.
 
A cortina ainda não caiu, resta ainda a abrir a cortina e ela vai se abrir, creiam-me. Então, pelo momento, são as premissas que vocês vivem em vocês e são as premissas que vocês observam, aqueles que se interessam ao que acontece no exterior. Retenham uma única coisa, ela é fundamental: Alegria ou terror. Não haverá outras medidas, não haverá outras meias-medidas com relação aos encadeamentos de acontecimentos que vocês suportarão e viverão nos dias que vêm, já. Então, aí também, hein, obviamente, se vocês estão na Alegria, isso será uma comédia.
Se vocês estão no terror, isso será um melodrama.
 
Cabe a vocês escolher, mas isso será exatamente a mesma coisa para todo o mundo. Simplesmente, o modo que vocês o viverão, no plano vibratório, no plano visual, no plano de seus sentidos, no plano de suas entranhas, no plano de seu Coração, será função de sua capacidade para se estabelecerem no Coração, e nada mais, e nada mais, aliás, será importante. Portanto, eu os engajo, não para girar a bicicleta (nota: o mental), mas para verdadeiramente, no fundo de seu ser, se colocarem a questão do modo que viverão isso. Como vão reagir ou não reagir? Como vão aquiescer, de algum modo, com o estabelecimento da primeira jornada da Luz Unitária (nota: em 17 de julho de 2010)? Como vão encaixar os aspectos planetários essenciais que vão se produzir na Humanidade, em suas vidas?
 
Tudo isso é verdadeiramente essencial, para a maneira de assistir ao espetáculo. Compreendam bem que vocês serão, todos, sem exceção, onde quer que estejam (numa caverna, como alguns pensam poder escapar ao que vem, ou ainda nas cidades, ou ainda nos campos), vocês serão todos abalados, no bom sentido ou no mau sentido.
 
Tudo isso apenas dependerá de sua capacidade para entrar em ressonância com a Unidade que acompanhará isso ou não. Aí está o que tinha a dizer. Guardem bem essas palavras, elas são importantes. O terror há se vocês permanecem lagarta, como bem o disse Um Amigo. A Alegria há se vocês se tornam borboleta. É muito importante compreender isso. E é uma compreensão vibratória. Isso não será jamais uma compreensão mental.
 
Portanto, preparem-se para se estabelecer na Alegria. É o único modo que terão de manter sua estrutura e servir e continuar a trabalhar nesta Dimensão, para o estabelecimento da Luz. Então, aí estão algumas palavras. Antes de devolver as bicicletas, vocês têm questões precisas com relação a isso? Questão: que se pode esperar em 17 de julho de 2010?  Será a primeira vez que a Radiação Tripla do Espírito Santo, do Ultravioleta e da Fonte será permanente. Assim, portanto, durante este dia, vocês perceberão, independentemente da intervenção de Miguel que será, eu penso, a mais importante de todas as intervenções nesse canal, pela sua Presença, pela sua Vibração e pelas próprias informações cruciais que lhes serão comunicadas naquele momento, sobre o desenvolvimento do plano da Luz Vibral em sua Dimensão que está, agora, perfeitamente estabelecido e perfeitamente definido.

 
Questão: como desenvolver e manter o estado de Alegria?


Então, aí, há já bastante indicações que lhes foram dadas, muito numerosas. Há os ensinamentos das novas lâmpadas que lhes foram comunicados. Há as técnicas de Mestre RAM. Há as técnicas de Um Amigo, de Sri Aurobindo (nota: vocês encontrarão em nosso site, na rubrica “protocolos”, tudo o que nos foi solicitado a comunicar amplamente sobre o assunto). Há muitas ferramentas que lhes foram comunicadas para se estabelecer na Alegria e não vejo necessidade de associar outras.

 
Questão: o aumento de intensidade Vibratória vai acelerar essa tomada de Consciência?

 
Vocês sabem, não há nada melhor para o ser humano (em minha vida, chamei o “chute nas nádegas) que ter medo, porque a um dado momento, o medo é tão intenso, que só pode desembocar na Alegria. Vocês todos ouviram falar, as crianças que têm grande medo e que, de repente, colocam-se a se arrebentar de rir, não é?  É o mesmo princípio. Portanto, não há preocupação. E que faz uma criança quando tem medo? E quando está aterrorizada? E que faz mesmo um adulto quando está doente e sofre? Chama mamãe.
 
E vocês têm a explicação magnífica do por que a intervenção de Maria ocorrerá depois, durante este período. É lógico, não é?

 
Questão: se estamos na Alegria, seremos conduzidos pela vontade da Fonte?

 
A Fonte é Alegria. Eu já disse, isso foi já dito por vários interventores: em função da Vibração que vocês emitem, em função da qualidade Vibratória na qual vocês estiverem estabelecidos, vocês atrairão a vocês o que for atração e ressonância. Vou tomar um exemplo muito simples: imaginem que vocês tenham assimilado, intuído, o fato de que seja melhor estar no alto de uma montanha ao invés que no centro de uma grande cidade. Mas se sua Vibração não está em acordo com isso, acontecer-lhes-á a mesma coisa no alto de sua montanha como no centro de sua grande cidade. A solução, ela é interior.
 
Então, obviamente, depois, há seres que fazem previsões que tentaram prever (porque o ser humano é um ser de previsão), estabelecer condições de sobrevivência mais agradáveis, é claro. O fato de ter a barriga um pouco cheia, o fato de ter calor, o fato de estar com muitos, obviamente, será, naqueles momentos, importante. Mas lembrem-se que é apenas o terceiro ato, não é? Não é o quarto ato.
 
Por conseguinte, o importante é a preparação interior, inicialmente e, depois, efetivamente, em função da qualidade de sua preparação Interior, será talvez mais agradável viver isso na Alegria do Coração e também com um ambiente que vai no mesmo sentido, se possível. Mas ninguém escapará ao que chamaria a onda Unitária da Luz e também a onda Vibratória, emocional, de resistência à Luz.

 
Questão: viver entre pessoas que não têm Consciência de tudo isso é uma desvantagem ou não?

 
Dado que o mais importante é o Interior, vocês são confrontados, pela ressonância e atração, ao que vocês devem ser confrontados, seja profissionalmente, afetivamente ou outro. Guardem também que vocês não poderão jamais forçar (e é aí que se verá sua capacidade para entrar na ausência de laços tais como existiram nesta Dimensão), seja seus descendentes, seja seus ascendentes, seja seus cônjuges. Vocês não têm que ser responsáveis, através do que acontece, de tudo o que os rodeia, não é? É preciso aceitar deixar a liberdade a cada um, em função de sua própria Consciência, ir para onde ele deve ir, porque, naquele momento, se vocês mesmos se colocam resistências, ou se vocês mesmos têm o desejo de convencer quem quer que seja, vocês voltarão à dualidade e às forças do terror.
 
E as frases de Cristo que já pronunciei: «vigiai e orai porque vocês não sabem nem a hora, nem o dia, tenham sua casa limpa», e bem, é agora. Vocês conhecem a hora e o dia, do ato três. Nós não podemos mais suspender, por razões múltiplas que lhes são muito compreensíveis. Com um pouco de lógica, bem humana, vocês constatam que certo número de eventos ocorre ao nível elementar e que os maus rapazes, querendo aderir às profecias, desencadearam o Apocalipse eles mesmos, esperando levar no delírio dualitário muitas pessoas da Humanidade.
 
E nós somos obrigados, também, como dizer..., fazer sentir a influência Vibratória da Luz Unitária através de todas as irradiações que conduzimos até vocês e manifestar nossa Presença de modo cada vez mais tangível, em vocês, a título individual, como a título coletivo, o que explica também que vocês tenham cada vez mais manifestações de Embarcações intergalácticas de Luz, em particular Embarcações Unificadas. A maior parte de formas que vocês observam pelo mundo, atualmente, de forma redonda, está ligada aos Anjos do Senhor que colocaram o pé sobre a Terra.

 
Questão: a melhor solução é abrir o Coração à Luz, qualquer que seja o lugar onde se encontre e os eventos que se apresentam?

 
De todo modo, se você está no Coração, onde quer que esteja sobre o planeta, você será protegido. Lembre-se o que Sri Aurobindo (perdão, São João) disse no Apocalipse: “no mesmo lugar, um será tomado e o outro não”. Isso é válido para o terceiro ato, como para o quarto ato. É a Vibração que conduz seu destino e seu destino final.

 
Questão: quanto à noção de liberdade para cada um viver o que tem a viver, sinto como uma forma de culpa, frente àqueles que não têm os meios de conhecimento de tudo isso.

 
Mas não é um acesso ao conhecimento do que lhes digo. É unicamente o acesso Vibratório que faz a diferença e há pessoas que, vocês podem lhes colocar todas as provas diante do nariz, sobre o que está acontecendo, elas preferirão se interessar em sua pequena Vida. Então, agora, cara amiga, se você se culpa, é seu problema e não o problema do outro. Ele é seu e é importante. A culpa é, por Essência, fazer parte da dualidade, porque, falando, por exemplo, de membros de sua família... mas o que representa sua família em relação à multidão de vidas que você teve? Isso prova apegos ainda importantes a modos de funcionamento vindos da terceira Dimensão e apenas a Vibração permitirá superar tudo isso, nenhum outro. Não é o fato de estar a par que preservará, é unicamente a Vibração.

 
Questão: poderia desenvolver sobre o que é o ato quatro?

 
É a preparação do planeta grelha. Então, para fazer grelhar um planeta, vocês podem imaginar que é preciso certo número de circunstâncias adequadas. É preciso que a água esteja pesada, é o que está acontecendo com os oceanos que vão se tornar negros e vermelhos. É o que está acontecendo com a liberação de gases que estão situados além do manto terrestre, que vão dar as condições ótimas, no momento em que a Luz do sol impactará a Terra, para abrasar tudo isso, mas isso não se fará em um dia, com certeza.

 
Questão: qual será exatamente a ação dos Anjos do Senhor?

 
Isso foi desenvolvido muito longamente por eles mesmos. Seu papel é o de velar para que as Merkabah individuais e coletivas estejam prontas para aqueles que terão necessidade de ser transportados com esse corpo biológico. Os Anjos do Senhor têm também funções de preparação para tudo isso, a partir de agora. Elas são múltiplas, essas funções. Elas correspondem a diversas funções de assistência e de ajuda, pode-se dizer.

 
Questão: é a capacidade Vibratória que vai orientar para a 5ª Dimensão ou a 3ª unificada?

 
Sim, sua capacidade vibratória... E quem disse que vocês irão na 5D ou na 3D unificada? Há também outras possibilidades. Não há apenas essas duas aí, não é? Há múltiplas possibilidades de caminho. Não é tão efetivo assim, certamente.
 
Entretanto, obviamente, é a capacidade Vibratória que decidirá porque, a um dado momento, a Consciência que está na lagarta deve passar na borboleta e, para isso, é preciso poder se extrair da lagarta, não é? E somente a Vibração dará esta capacidade ou não. As radiações, o nível Vibratório e as diferentes ionizações, que vão ocorrer em suas estruturas, serão mais ou menos integrados, ao nível celular e ao nível da Consciência, e é isso que determinará sua capacidade a tornar-se uma pequena borboleta franzina ou uma grande borboleta.

 
Questão: isso significa que resta uma possibilidade de se cair nos braços dos Arcontes?

 
Oh isso terminou. Finalmente, vocês deveriam se alegrar, porque, estejam na 3D unificada, estejam na 5D e sua Dimensão estelar seja a 11D, ou ainda mais alta, finalmente, qual importância, porque vocês vão todos encontrar mundos que estão ligados à Fonte mas, obviamente, a travessia se faz na primeira classe, como na última classe.

 
Questão: o efeito dos dez minutos de cada início de hora será amplificado?

 
A partir de 17 de julho, de maneira incontestável. Mas isso poderá tornar-se permanente durante um dado lapso de tempo, que corresponde a seu verão deste ano (inverno no Brasil). E eu os lembro que o verão (inverno no Brasil) começa amanhã.

 
Questão: os cães, os gatos, podem ter, nesse momento, comportamentos específicos?

 
Então, os animais têm um sentido geomagnético extremamente desenvolvido. Eles percebem os sismos, antes de vocês. Eles percebem os tsunamis, antes de vocês. Eles percebem as erupções vulcânicas, antes de vocês. Pouco tempo antes de vocês, mas antes de vocês. Agora, da loucura humana, felizmente, eles são preservados. E falo das ondas emocionais humanas, coletivas, não aquelas de seus Mestres, certamente.

 
Questão: durante certos protocolos, ouvi como uma orquestra de cordas que tocava.

 
Mas isso corresponde, aí também, à passagem para estados Vibratórios. Como o sabem, quando do contato com o Espírito e a alma, há sons que se manifestam. A orquestra de cordas e o concerto de cordas é a etapa final que precede a passagem ao grande Samadhi. Cada um o vive em função de seus medos, de suas feridas. Mas é o mesmo processo que o acesso à Existência.

 
Questão: é o início do processo?

 
É o início do processo final. Questão: por que sinto vibrar tão forte o nariz e muito pouco o Coração? O importante é que uma Vibração correspondente à 12ª lâmpada, correspondente ao nariz, está ativa, a partir do momento em que as lâmpadas são ativadas. Agora, é a você que cabe se colocar em seu Coração, pela Consciência, diretamente. Mas, se a Vibração do nariz e das asas do nariz está ativa, é evidente que o corpo novo o mais alto está desperto e que isso não poderia se fazer se o Coração não estivesse desperto. Simplesmente, algumas circunstâncias de sua Vida, ainda presentes, representam freios à ascensão total à Alegria. Portanto, a energia vai se manifestar em outros lugares.

 
Questão: sentindo pouco a Vibração do Coração, é difícil fazer escolhas ligadas a esta Vibração.

 
Cara amiga, é muito simples. É preciso substituir o Coração afeto pelo Coração Vibratório. Isso quer dizer que você deve fazer a introspecção de Consciência necessária. Você se liberou de todos seus afetos? Bem, não. O Coração vibra quando se está na Paz com todos os Corações com os quais se teve contato: ascendentes, descendentes, cônjuges e outros, situações ou outras. E a bicicleta gira.

 
Questão: pratiquei os protocolos de Um Amigo, o que me trouxe uma grande diferença. Apesar de tudo, sinto que amo mais meus filhos ou algumas pessoas. Trata-se de amar todos da mesma maneira? Amar mais meus filhos quer dizer que estou no afeto?

 
Mas, obviamente. O Amor maternal é afeto. Mesmo Maria, quando seu Filho estava na cruz, ela foi afetada, não é? E o afeto é o que gera a Vibração. Isso não quer dizer abandonar ou enterrar todos os parentes, não é?, eu não disse isso. É uma questão de ponto de vista que é essencial. O afeto bloqueia, inteiramente, a Vibração do Coração. O Coração Vibração não é o Coração afeto. O conjunto da Humanidade enfiou o dedo no Coração, com relação a isso. Foi a Humanidade que assimilou o Coração ao Amor humano. É preciso ter Coração na relação com o outro, mas, para isso, não é preciso perder de vista que o objetivo é o Coração Vibratório e o Coração Vibratório não é o Coração afeto. A confusão está nesse nível.

 
Questão: isso significa então que estar na Unidade consiste em estar à mesma distância com todos?

 
Então, cara amiga, eu responderia que, definitivamente, sim. Se você ama mais seu filho que seu inimigo, você está no afeto.
 

Questão: como superar isso?

 
Realizando. Todos os protocolos foram já amplamente trabalhados, em você, isso se vê, mas é simplesmente este afeto aí que deve se mover. Isso não quer dizer não mais amar, mas amar na liberdade. Amar na liberdade não é amar nas relações. Então, por que haveria ligações tão fortes com o que é procedente de sua carne e o que é seu inimigo? Há a mesma Vibração e a mesma Consciência em todo filho como em todo inimigo. E por que seu inimigo seria menos digno de Amor que o filho?

 
Questão: porque é meu filho.

 
Aí está, todo o problema está aí. Mudar muito não é mudar totalmente. Porque isso não dispensa amar, tanto, os filhos, não é? Mas por que dois pesos, duas medidas? O Amor Vibratório não conhece dois pesos, duas medidas. Enquanto você permanecer nos dois pesos, duas medidas, você não está na Vibração, você está no afeto. Ora, o mental quer fazê-la crer que o Coração afeto é o Coração. O Coração afeto nada tem a fazer com o Coração Vibração. Aliás, não é o Coração. Chama-se “ter Coração”, mas é apenas a emoção e nada mais, ou crenças.

 
Questão: compreendo intelectualmente o que acaba de dizer, mas estou longe disso, porque não consigo amar meus filhos da mesma maneira que meus inimigos, ou mesmo meus parentes.

 
Bem, então, não procure despertar seu Coração. Ele não despertará, apesar da insistência das novas lâmpadas. Quando você diz “longe”, entendo o que diz, mas você não está longe. Você está muito próxima. É apenas um mecanismo da cabeça. Não é mesmo um mecanismo Vibratório, não é uma montanha a escalar. É uma aceitação que está para fazer. Isso se chama a síndrome da mamãe galinha ou a síndrome da incubadora, mesmo na metade transcendida.

 
Questão: no entanto, na Bíblia está escrito que Jesus amava João como seu discípulo bem amado, ou seja, que havia uma preferência ou uma relação particular entre João e ele?

 
A resposta é muito simples: a preferência não era o afeto. Ela era de Ordem espiritual. Não misture o afeto com o espiritual. A preferência do Bem amado, de Cristo, por Sri Aurobindo é, se quer, uma preferência Vibratória e espiritual e certamente não afetiva. Não havia laço afetivo, mas era um laço de liberdade total e de confiança total entre Cristo e o Bem amado.

 
Questão: para superar isso, conviria então olhar no outro não sua forma, não a relação ao afeto que se tem com ele, no sentido humano, mas a Vibração de seu Coração como parte da Fonte?

 
Então, olhe, é fácil, todos os ensinamentos espirituais o dizem, não é? Mas não é uma questão de olhar, é uma questão de Vibração efetiva. Portanto, não é uma crença, não é uma bela teoria que se aceita assim. É para demonstrar, na Vibração e nos fatos. A dificuldade é compreender que não é um trabalho de cada instante que se constrói. É algo que se faz instantaneamente, se decidimos, na alma e na Consciência e na Vibração.

 
Questão: tenho o sentimento de ter caminhado para a Paz frente a mim mesmo, mas cóleras ainda emergem frente ao que não suporto em minhas limitações. Como superar isso?

 
Então, caro amigo, você tem duas soluções: ou se esbofeteia, mas isso dói, ou decide, de uma vez por todas, se concentrar unicamente na Vibração e não na cólera. Porque nenhuma personalidade, nenhuma ferida (em todo caso para as bicicletas de corrida que estão aí) não pode ser transcendida pelo fato de ter Consciência. É preciso estar lúcido, é uma evidência, mas, quando há lucidez (como você a expressa, por exemplo, sobre isso, sobre esse ponto preciso), você vai se dizer: “vou utilizar as ferramentas que tenho à minha disposição, vou cavar, vou cavar, vou tentar compreender”. Hoje, não é mais questão disso. É questão (e Anael insistiu muito longamente nisso) de se abandonar à Inteligência da Luz. Creio, aliás, que Um Amigo lhes deu um processo, extremamente fino, extremamente preciso, para dirigir a Luz Vibral sobre essas zonas de sofrimento, ou seja, não lutar contra, mas colocar ainda mais Luz. São, eu creio, as últimas coisas que ele lhes deu antes daquelas que há agora (nota: na rubrica “protocolos” de nosso site e no blog, intitulado “ativação da consciência de cura”).

 
Questão: se as vicissitudes que vivo ainda em minha Vida são ligadas ao fato de que não estou suficientemente no Coração, como superar isso?

 
Quero simplesmente lhe dizer que, aí também, associa-se a culpa. Isso faz ressurgir em você algumas situações de culpas antigas com relação a sua história. É isso que há a superar. A culpa é sempre ligada a personalidades extremamente Amor, extremamente no Coração, mas no Coração afeto. É o que se chama salvadores. É o que chamei, ainda há pouco, as incubadoras, sem qualquer noção pejorativa, é claro. Os incubadores são ainda mais difíceis a encontrar que as incubadoras, mas existem. Lembrem-se que o sentido maternal é também o sentido de saber liberar o outro e a si mesmo de uma relação. Lembrem-se que seus filhos não são seus filhos. Lembrem-se que seus filhos desta Vida são, certamente, aqueles que vocês esbofetearam e que os esbofetearam em outras vidas. Lembrem-se que vocês devem se liberar de todos os laços, o que não quer dizer descartar o outro de sua Vida.
 
Isso quer dizer: mudar de olhar e de Vibração. Tornar-se autônomo. Crescer ou voltar a ser como uma criança. Abandonar os papéis e as funções, tornar-se maduro. A melhor ajuda e o melhor Serviço estão na liberação do outro e no Amor do outro, mas o Amor Vibração. Eu digo que não existe qualquer situação com um ascendente, com um descendente, com um parente, qualquer que seja, que não tenha solução. A partir do momento que vocês aceitam passar do Coração afeto ao Coração Vibração, a Inteligência da Luz colocará todo o trabalho para liberá-los desses laços. Mas, para isso, é preciso aceitar, já, soltar.
 

Questão: desde algum tempo, sinto-me muito cansado. É normal?

 
Você sabe, cada um, hoje, vive fenômenos de transformação importantes. Alguns, são feridas que ressurgem (e creio que Anael lhes disse já coisas sobre isso) e outros, são cansaços, outros, ao contrário, o fato de estarem sobrecarregados. Outros, dores de cabeça terríveis ou compressões no peito ou nas costas. Está ligado a tudo o que acontece nesse momento.
É preciso passar por aí. Cada um passará por aí onde deve passar, em função do que há a transcender e a superar.

 
Questão: isso significa que é a energia que quer fazer sua passagem?


Não unicamente, porque não é a mesma energia de que se fala. Não confunda a energia vital, a energia pertencente a esta Dimensão e a energia Vibral. Não são nem mesmo as mesmas gamas de freqüência e não são nem mesmo as mesmas energias, não é? Portanto, querer crer que mais vocês vibrarem, mais terão energia, não é sempre verdadeiro. Aliás, a tal ponto que, no momento em que a energia estiver em seu apogeu, ao nível da Luz Vibral, vocês não terão mais simplesmente qualquer energia vital, resultando o processo de estase.

 
Questão: a ativação do Triângulo Sagrado passa necessariamente por um sentir Vibral, no sacrum, assim como se pode sentir a Vibração do Coração e a Vibração da cabeça? Obviamente, meu amigo, não pode haver despertar do Kundalino sem sentir o Kundalini, não é?

 
Questão: então, se nada se sente de particular nesse nível, o processo não se desencadeou?

 
Completamente. Mas não é nada grave, não é? O importante é ter uma das três Coroas ativada.

 
Questão: há um meio de desenvolver a ativação desta coroa?

 
Se isso não se produziu com a última etapa, ou com a penúltima etapa, é preciso esperar o momento oportuno. Talvez não haja ainda suficiente Fogo ao nível terrestre para desencadear isso em você.

 
Questão: teremos em breve a oportunidade de ver concretamente os Melquisedeques? De vê-lo?

 
Sim, quando estiverem na 5ª Dimensão.

 
Não temos mais perguntas. Agradecemos. Então, caros amigos, eu lhes digo até muito breve. Eu lhes trago todas minhas bênçãos.
 

Compartilhamos essas informações em toda transparência. Agradecemos de fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente o texto e citando a fonte: www.autresdimensions.com.

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Publicidade