Ex-integrantes do governo da China e do Canadá afirmam que extraterrestres já vivem entre nós

extravive topoPaul Hellyer, ex-Ministro da Defesa do Canadá, desde 2008, afirma que aliens vivem na Terra [Confira a matéria completa aqui]. Chegou a gravar um vídeo onde declara isso. Hellyer não é uma voz qualquer, é um ex-Ministro e estudioso da matéria. Ele já havia acusado os Estados Unidos de encobrir provas da existência de vida extraterrestre, para defesa de seus próprios interesses. Hellyer afirma que existem, pelo menos, quatro espécies alienígenas vivendo na Terra, sendo que duas delas trabalham em conjunto com os Estados Unidos. Se assumindo como o “primeiro líder do primeiro escalão no mundo a fazer esta declaração de uma maneira clara e inequívoca”, ele apela à nossa humildade para reconhecer que possamos conviver com espécies mais avançadas, para nossa própria sobrevivência.

Além do ex-Ministro canadense, outro integrante do governo da China, Sun Shili, um oficial aposentado do Ministério das Relações Exteriores da China, que agora é presidente da Sociedade de Pesquisa OVNI de Pequim, também concluiu que os Waixingren (extraterrestres) estão vivendo entre nós. Um encontro de Sun Shili com extraterrestes teria ocorrido pela primeira vez em 1971, quando foi enviado para os campos do interior durante a “revolução cultural chinesa” promovida por Mao Tsé Tung (1966-76) para executar a penosa tarefa de plantação de arroz.

Um dia, enquanto ele labutava no campo, sua atenção foi desviada para um objeto brilhante no céu, que subiu e desceu várias vezes. No início, Sun assumiu que o espetáculo fosse uma espécie de dispositivo de monitoramento de inteligência da GUERRA FRIA entre oriente e ocidente – uma dedução razoável considerando aqueles tempos – no entanto, anos mais tarde, depois de ler matérias estranhas sobre avistamentos de UFOs, ele soube que tinha experimentado um encontro com um UFO.

 

Guo Zhao Meng

 

E Sun Shili não é o único especialista no país que presenciou estes avistamentos de UFOs. De acordo com o cientista altamente credenciado Shituan Shen, um cientista de foguetes, presidente da Universidade Aeroespacial de Pequim e diretor honorário da China UFO Research Association, organização de pesquisa apoiada pelo governo comunista da China, cada relatório de um encontro alienígena vale a pena investigar.

”Alguns destes avistamentos são reais, alguns são falsos e outros que não são muito claros”, disse Shen Shituan. “Todos esses fenômenos são dignos de pesquisa.” Pesquisa (com base ética) em OVNIs poderiam ajudar a estimular novas formas de viagens em alta velocidade, fontes ilimitadas de combustíveis de energia não-poluente e combustíveis com base em não-fósseis e o crescimento rápido de culturas e plantas para alimento, afirma Sun Shili.

A história de abdução alienígena mais conhecida na China é o caso de Guo Z. Meng, um jovem agricultor florestal, de Wuchang, perto de Harbin, na província de Heilongjiang. Em junho de 1994, Guo Zhao Meng e dois trabalhadores rurais, trabalhando no acampamento da Madeireira Red Flag viram algo incomum no Monte Phoenix, próximo do acampamento. O encontro complexo e bizarro que se seguiu envolveu Meng sendo atingido por um feixe de luz, assim como supostamente enfrentando um seqüestro e um encontro sexual com uma alienígena do sexo feminino. Guo Zhao Meng, um simples trabalhador rural do nordeste da cidade de Wuchang, explica que ele tinha 29 anos quando ele quebrou seus votos matrimoniais pela primeira e única vez – com uma mulher extraterrestre excepcionalmente robusta.

“Ela tinha cerca de 3 metros de altura e tinha seis dedos em cada mão, mas fora este detalhe, ela se parecia completamente como um ser humano da Terra”, diz ele. “Disse à minha mulher sobre tudo isso depois. Ela não ficou muito zangada”. Durante o mês de setembro de 2003, Zhang Jingping, uma ufóloga com residência em Pequim, com psicólogos e técnicos da polícia sujeitaram Guo Zhao Meng à hipnose em um detector de mentiras em Pequim. Zhang indicou que os resultados do teste mostraram que o abduzido estava dizendo a verdade.

Ela também indicou que os médicos perceberam que as cicatrizes no corpo de Guo Zhao Meng não poderiam ter sido causadas por lesões comuns ou cirurgia. Guo Zhao Meng, um humilde camponês, com apenas 5 anos de escolaridade, também disse que ele nunca tinha ouvido falar de OVNIs ou ufólogos até antes que sua experiência tivesse acontecido. Bill Chalker, um cientista de UFOs, da Austrália, foi capaz de ter longas discussões com o professor Chen Gongfu, na China, o principal pesquisador do caso Guo Zhao Meng. “Ele me pediu para ajudar na obtenção da tradução de suas pesquisas para torná-las disponíveis para o público ocidental. Estamos bem encaminhados para alcançar esse objetivo”. Bom, se quando você disser que acredita em extraterrestres as pessoas rirem de você, já podes dizer que não és o único e que até autoridades já declararam que também acreditam.

Fontes: The Hypeness e Thoth

Compartilhe

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Translate

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

Curta nossa página

Mundo

Publicidade