O Arquivo
logo

Faça uma doação

Todo o conteúdo disponibilizado no site é gratuito e você pode utilizá-lo livremente. Nossa única fonte de renda provém dos anúncios, o que não é suficiente para cobrir as despesas com a hospedagem. Qualquer ajuda para manter o nosso site no ar é bem vinda. Caso deseje contribuir com qualquer valor, basta clicar na imagem abaixo.





pranica2Desde que foi introduzida no Brasil em 1992, a cura prânica tornou-se uma das mais populares técnicas de cura através da energia vital. Milhares de pessoas em todo o mundo já tiveram a oportunidade de aprender e aplicar este moderno e eficiente sistema, que tem como princípio resgatar o poder curador de todos nós. A cura prânica é uma técnica de cura introduzida pelo Mestre Choa Kok Sui, filipino de origem chinesa, depois de vinte anos de estudos aprofundados em cura paranormal, yoga Ki Kung, que é a arte de gerar poder interior, e outras ciências esotéricas da Índia e do Tibete.

A cura prânica é realizada de maneira simplificada e mecânica, como também espiritual. O procedimento é mecânico no sentido de que, seguindo-se as instruções passo a passo, resultados pré-determinados irão aparecer. E é espiritual no sentido de que, por meio da oração ou invocação, o indivíduo se torna um canal divino de cura.

Em suas pesquisas, Mestre Choa descobriu que em diversas culturas sempre existiu uma sabedoria tão antiga quanto a própria humanidade e que nelas sempre se utilizaram das mãos e da intuição para a cura dos males físicos e emocionais. Nos tempos modernos, com o crescimento do cartesianismo científico, essa prática foi esquecida. A cura prânica recupera e atualiza a cura através da energia vital ou prana. Ao mesmo tempo, explica de modo prático, simples e direto como efetuar a cura com as mãos, provando que qualquer ser humano pode se tornar um instrumento de cura e auxiliar seu próximo tanto na cura quanto no equilíbrio de sua saúde integral .

A cura prânica é um sistema revolucionário e abrangente de técnicas de cura natural que se utilizam do prana para tratar várias doenças.

Prana é uma palavra em sânscrito que significa a força da vida, a bioenergia invisível ou a energia vital que mantém o corpo vivo e saudável.

Os japoneses chamam o prana de energia "ki", os chineses de "chi", enquanto os gregos se referem a ele como "pneuma". Em polinésio ele é conhecido "mana" e em hebreu como "ruach", o que significa o sopro da vida.

Como arte e ciência, a cura prânica foi amplamente praticada em civilizações muito antigas na China, no Egito e na Índia.
 
A cura prânica se utiliza do prana para iniciar mudanças bioquímicas específicas, acelerando a habilidade inata do corpo de prevenir, aliviar e curar doenças mentais, emocionais e físicas.
 
Os métodos são simples e de fácil aprendizagem; qualquer pessoa pode aprender a aplicar a cura prânica em pouco tempo. O toque físico não é necessário, porque o praticante aplica a cura prânica no corpo energético muito mais que no corpo físico.
 


O QUE É A AURA HUMANA OU O CORPO INVISÍVEL DE ENERGIA?
 

 
Evidências científicas fornecem provas tangíveis da existência do corpo energético e sua relação com a saúde e o bem estar do corpo físico. Este tem sido tratado como corpo bio-plasmático (a palavra bio significa vida e a palavra plasma, o quarto estado da matéria após os sólidos, líquidos e gazes).

Experimentos científicos realizados por Semyon Kirlian, um respeitado cientista russo, usando o processo da fotografia ultra sensitiva, mostraram um campo de energia radiante e colorido envolvendo os corpos físicos dos seres humanos, dos animais e das plantas. Este campo energético ou aura, interpenetra o corpo físico visível, estendendo-se de 10 a 13 centímetros da camada superficial da pele.
 
Experimentos com a fotografia Kirlian também revelaram que as energias das doenças aparecem primeiro no corpo energético e depois no corpo físico.
 
A cura prânica está sendo ensinada atualmente a médicos, enfermeiros, massagistas, terapeutas, acupunturistas, quiropratas, donas de casa, engenheiros e pessoas das mais diversas áreas. O conhecimento da cura prânica lhes permite efetuar curas efetivas e harmoniosas em pouco tempo, sendo necessários apenas concentração, determinação e, acima de tudo, o desejo de curar.
 
Nas palmas de nossas mãos localizam-se centros de energia, chamados de chacras, que são ativados através de um simples exercício. Uma vez ativados, tornam-se muito sensíveis e capazes de sentir a energia de outras pessoas, podendo-se então utilizá-los para escanear a energia e localizar bloqueios, procedendo-se em seguida a uma limpeza, energização e revitalização com prana novo.
 
Há também técnicas para evitar o escape de energia do corpo, o que ocorre com muitos curadores ao curar outras pessoas. Na verdade, haverá uma auto-energização durante a cura de outra pessoa. Os procedimentos da cura prânica são simples e fáceis de aprender. Entretanto, por trás dessa simplicidade, há uma sofisticada tecnologia, que faz dela, sem dúvida, uma das melhores, senão a melhor, entre todas as artes de cura alternativa disseminadas e publicamente conhecidas.

Cura Prânica:


“A Manipulação do Sopro da Vida”


A Cura Prânica visa reequilibrar a energia vital e  os chakras, canalizando o Prana, atuando no corpo bioplasmático, com conseqüências fisiológicas ou seja promovendo a cura.

O corpo físico do homem se compõe de duas partes: o corpo físico visível e palpável e o corpo bioplasmático, formado por uma energia sutil e invisível. Esses corpos se interpenetram e interagem num vínculo de troca de energia.


pranica1

Nos alimentamos de energia vital  -  também conhecida por força vital, Prana, ki, pneuma, mana, ruah  -  deste manancial que é o Universo nas suas manifestações naturais: ar, terra e água. Possuímos centros de captação e irradiação energéticos: os Chakras. Estes se não estão em equilíbrio não captam e desperdiçam a energia vital - Prana - necessária à nossa saúde  física, mental, emocional e espiritual. Com o conhecimento  do processo energético, o facilitador de Cura Prânica localiza onde há o desequilíbrio e remove o Prana deletério recolocando logo a seguir um outro puro e saudável, captado do ar, equilibrando o corpo energético e como conseqüência o físico, o mental e o emocional. É um trabalho feito com conhecimento que não encontra lugar para mistificação  pela sua lógica e simplicidade. Os resultados podem ser comprovados instantaneamente ou aos poucos, dependendo do comprometimento  físico e energético do paciente.


Pessoas que se encontram fracas e sem energia tendem a absorver energia Prânica daquelas que a tem em equilíbrio, por isso nos sentimos cansados e exauridos sem razão aparente quando entramos em contato com elas, pois sem sentirem (ou sentindo) agem como verdadeiros “vampiros energéticos”. A conseqüência  disto é de sentirmos os sintomas doentios que as pessoas portavam ao nos contatar. É necessário termos o conhecimento de técnicas de auto-ajuda e recorrermos a profissionais que trabalhem com o equilíbrio energético, como o Curador Prânico.

Muitas vezes , também, pessoas irradiadoras de bom Prana, nos fazem sentir bem e são focos centrais de grupos de indivíduos que se beneficiam de sua força energética. Essas pessoas devem fazer visitas a doentes de todas as formas. Sendo de grande valia o aprendizado de como  manipular esse manancial energético em prol das pessoas como de si próprias.

A preocupação com a ingestão de alimentos frescos e naturais corresponde ao conhecimento de que quanto mais o que ingerirmos estiver ligado à Natureza, mais energia vital estará circulando e servirá de fonte extra para nosso organismo.  Os alimentos industrializados – que levam um grande período entre sua extração e sua ingestão,  que passam por processos químicos de conservação e/ou altas temperaturas -  são nulos energeticamente e muitas vezes no valor alimentício, servindo somente para dar a sensação de fartura física.

Os animais quando morrem perdem rapidamente sua energia vital não trazendo muito valor em termos energéticos para quem se alimenta deles. Os vegetais reservam durante algum tempo a mais essa energia, transmitindo a quem o ingere um suporte prânico aumentando a circulação no seu corpo bioplasmático que recupera possíveis perdas causadoras de doenças.

O ser humano visto como um ser único e total - como é encarado holisticamente - tem suas funções físicas, mentais, emocionais, espirituais e energéticas interligadas, influenciando umas as outras. Como conseqüência, as doenças são , normalmente, resultado do desequilíbrio desses fatores. Equilibrando – se  essas funções evitamos o processo doentio  por fatores externos ou internos. Como exemplo temos a úlcera gástrica que na maioria dos casos é causada por fatores emocionais como: estresse, medo, pressão da sociedade sem uma válvula de escape, ingestão de “sapos”, distanciamento de uma vida mais natural, etc., que enfraquecem o Chakra do plexo solar – localizado na “boca do estômago” - o que propicia a invasão de bactérias que atacam as paredes do órgão causando feridas. Neste caso todos os corpos do doente estão comprometidos,  necessitando de um trabalho de conscientização para que se reverta o quadro. O tratamento com medicamentos - melhor se naturais  -, o afastamento da causa externa do estresse, a mudança de postura mental diante dos problemas, o desabafo, a alimentação mais fresca, natural e balanceada, o trabalho de equilíbrio energético que a Cura Prânica fornece e a manutenção da saúde adquirida é sinônimo de permanente cura.

Com a averiguação da aura o Curador Prânico tem a possibilidade de identificar a doença que primeiro se coloca no campo áurico para depois se apresentar no corpo físico.

O Curador Prânico - também conhecido como Canalizador Prânico - se utiliza de técnicas de reconhecimento  da energia vital do paciente, limpeza do campo áurico e dos Chakras, de absorção e canalização de Prana emitindo-o por intermédio de seus Chakras das mãos e dos dedos ao receptor. Utiliza o Prana branco, o colorido de uso diferenciado para cada caso, cristais, visualização, direcionamento, etc., o que o coloca apto a agir em qualquer situação apresentada, das doenças mais simples as mais complicadas. 

O Curador Prânico - também conhecido como Canalizador Prânico - se utiliza de técnicas de reconhecimento da energia vital do paciente, limpeza do campo áurico e dos Chakras, de absorção e canalização  de Prana emitindo-o por intermédio de seus Chakras das mãos e dos dedos ao receptor. Utiliza o Prana branco, o colorido de uso diferenciado para cada caso, cristais, visualização, direcionamento, etc., o que o coloca apto a agir em qualquer situação apresentada, das doenças mais simples as mais complicadas. É uma terapia que utiliza as mãos para curar. Na Cura Prânica não há toque no corpo físico pois todo o trabalho é feito no corpo energético ou aura.

É um sistema natural que utiliza o prana (energia vital) para o tratamento de diversas doenças físicas, emocionais ou mentais. Esse sistema foi elaborado pelo grande curador filipino de origem chinesa, Mestre Choa Kok Sui, que por mais de 20 anos pesquisou técnicas de curas orientais, desenvolvendo a partir delas um método tão simples, que qualquer pessoa, mesmo não tendo nenhuma capacidade psíquica ou paranormal, pode praticá-la ou se beneficiar com ela.

 

Os princípios da Cura Prânica


A Cura Prânica tem por base 14 princípios que mostram como e porque ela funciona.

Os 14 princípios são:

•Princípio da Força Vital. Diz que para que a vida física exista, é preciso haver força ou energia vital que é a energia cósmica, conhecida por quase todos os povos antigos; os chineses a chamaram de Chi, os japoneses de Ki, os Kahunas de Manas e os hindus de prana, entre muitos outros. Ela também é necessária para a existência de formas de vida mais sutis.

•Princípio da Difusão. Diz que a força ou energia vital está em torno de nós. Ela difunde. Estamos realmente imersos num oceano de força vital. Baseado neste princípio o praticante pode drenar energia prânica ou força vital do ambiente e passá-lo ao paciente sem se desgastar.

•Princípio da Energia Doente. Diz que a doença existe não apenas sob a forma física, mas também sob a forma de energia. A doença sob forma de energia é chamada de energia doente ou matéria bioplasmática doente. Os clarividentes visualizam na como uma energia acinzentada e escura.

•Princípio da Transmissibilidade. Diz que a força ou energia vital pode ser transmitida de uma pessoa a outra, de uma pessoa a um objeto, de um objeto a outro ou a uma pessoa.

•Princípio da Contaminação. Diz que a energia doente é transmissível e pode ser transmitida de um paciente para outra pessoa ou para um praticante da cura. A energia doente de um indivíduo pode contaminar outro indivíduo, um objeto, um animal ou uma planta, portanto, para evitar a contaminação é extremamente importante que os praticantes da cura tomem os cuidados necessários tais como sacudir as mãos ao realizarem cura e lavá-las, bem como aos braços, ao final de cada prática.

•Princípio da Controlabilidade. Reza que a força vital e a energia doente podem ser controladas e dirigidas através da vontade ou intenção mental.

•Princípio da Limpeza e da Energização. Mostra que na cura, fornecer energia vital não é suficiente, também é necessário remover a energia doente. A remoção da energia doente é chamada limpeza. Dar força vital a um paciente ou a um objeto é chamado de energização. A taxa de cura pode ser acelerada pela aplicação do princípio de limpeza e energização.

•Princípio da Reação Radical. Diz que quando a energização é realizada sem remoção da energia doente, pode ocorrer uma crise, sob a forma de piora temporária do problema. A isso se denomina reação radical, que deve ser evitada ou minimizada pela limpeza.

•Princípio da Receptividade. Mostra que o paciente precisa ser receptivo, ou pelo menos neutro, para que possa receber a energia prânica projetada. Estar relaxado também ajuda a aumentar o grau de receptividade, senão , a energia prânica projetada não será absorvida ou, se for, o será numa quantidade mínima.

•Princípio da Estabilização. Diz que a energia prânica projetada tende a vazar, se não for estabilizada.

A estabilização é feita pela energização a região tratada com prana azul-claro esbranquiçado ou, através de um movimento com a mão semelhante ao de "pintar" a parte tratada com prana azul pastel. Os sintomas tendem a retornar, se não fizer a estabilização.

•Princípio da Liberação. Mostra que um elo etérico se forma durante a cura e este deve ser cortado para que a energia prânica projetada seja liberada, caso contrário, uma porção substancial da mesma poderá retornar ao praticante da cura.

•Princípio da Correspondência. Mostra que o que afeta o corpo etérico ou corpo de energia, tenderá a afetar o corpo físico. E aquilo que afeta o corpo físico tenderá a afetar o corpo de energia. Quando este é curado, o outro também o é.

•Princípio da Interligação. Diz que o corpo do paciente e o do praticante da cura estão interligados, pois fazem parte do corpo da energia da Terra, num nível mais sutil. Isto significa que como parte do sistema solar, estamos interligados com todo o cosmos. Este princípio da interligação também é chamado de:

Princípio da Unidade e Princípio do direcionamento. Reza que a força vital pode ser dirigida. Ela segue o caminho indicado pela focalização de sua atenção, ou seja, ela segue o pensamento. A cura prânica à distância baseia-se neste princípio e no da interligação.


Como se faz a Cura Prânica?


A técnica da Cura Prânica consiste basicamente de seis passos que foram organizados e forma fácil pelo Mestre Choa Kok Sui.

O primeiro passo, consiste de se sentar em interação com o paciente, de forma que ele fique receptivo ao tratamento. No segundo, o terapeuta sensibiliza as suas mãos para logo após, no terceiro passo, sentir e explorar o campo áurico do paciente, podendo perceber os seus desequilíbrios energéticos. O quarto passo, consiste da limpeza geral ou localizada do campo energético, no quinto passo, o paciente é energizado e finalmente, o elo etérico é cortado para que cada um possa seguir o seu caminho sem interferir no outro.

Todo o processo é feito no campo de energia, sem tocar o corpo físico (baseando-se no princípio da correspondência), tornando todo o campo, incluindo os campos energéticos (chakras) mais claros e equilibrados e também fechando os buracos do campo que possam por ventura existir. Esse equilíbrio permite ao corpo físico atuar, para combater a doença.

Muitas vezes desequilíbrios são detectados no campo energético, mesmo antes de se materializarem no corpo físico, dessa maneira, a Cura Prânica pode prevenir doenças antes delas realmente acontecerem.

O que se pode notar é que na verdade quem se cura é o próprio paciente e se ele não quiser se curar obviamente nada acontecerá pois esta energia respeita plenamente o livre arbítrio de cada um.

Normalmente um curador prânico pode também se autocurar, mas além disso, o fato de praticar a Cura Prânica já é por si só uma autocura, já que parte da energia captada sempre fica com o praticante, e isso faz com que o seu campo fique mais forte e equilibrado, tornando-o menos vulnerável à doenças.

A Cura Prânica ou Terapia Prânica é uma técnica, ciência e arte que utiliza as mãos sem tocar no corpo físico do paciente. É uma forte aliada da Medicina Convencional, ajudando-a tanto na recuperação como na prevenção de distúrbios físicos,

emocionais e mentais. O acúmulo de emoções negativas, raivas, ressentimentos, frustrações, mágoas profundas impede o fluxo da energia de cura no sistema energético, ocasionando desequilíbrios e doenças. Através da limpeza desses bloqueios acumulados e posterior injeção de um novo suprimento de energia cósmica ou prana revitalizante, as perturbações são aliviadas ou curadas.

O terapeuta apenas serve-se de instrumento ou canal na remoção desses bloqueios. Isso é possível, porque essa terapia está baseada na filosofia de que os seres estão rodeados de Energia Vital, fonte  responsável pela nossa saúde. No momento, os ocidentais estão começando a ter   consciência da existência da energia corporal e de que não possuem apenas o corpo físico. Os antigos sábios já conheciam a presença de energia, sob a forma de AURA OU CORPO ENERGÉTICO.

A Terapia Prânica pode ser aplicada em um simples resfriado e ou em casos mais sérios como problemas respiratórios, renais, cardíacos, hepáticos, deficiências imunológicas (AIDS, câncer, etc) e outras enfermidades.

Nada tem a ver com religião, mas trabalha com conceitos espirituais universais, encontrado em diversas religiões.

Auxilia pais a CANALIZAR a energia excedente durante a infância e adolescência evitando vícios, drogas, fumos, compulsões, stress, depressão, etc.

Também podem ser limpos e energizados locais como: casas, automóveis, hospitais, creches, indústrias e comércios. Isso faz-se necessário, porque a energia de estresse, fadiga e mágoas se impregnam no objeto ou ambiente.

Qualquer pessoa pode aprender essa técnica. Crianças acima de 08 anos, quando pai ou mãe  forem Terapeutas Prânicos. Adolescentes acima de 14 anos e adultos, que possuam mente aberta, consciente e um certo grau de persistência. A Terapia vem sendo usada por médicos, dentistas, advogados, enfermeiras e outras áreas, com espírito de pesquisa.

Em São Paulo, no Hospital do Servidor Público, doenças como câncer vem sendo tratado com técnicas auxiliares e Meditações para acelerar o processo de cura.

Prana ou ki é aquela energia ou força vital que mantém o organismo vivo e saudável. Em grego é chamada de pneuma; em polinésio, mana e, em hebraico, ruah, que significa "respiração da vida". O praticante projeta o prana ou energia vital ou "respiração da vida" para o paciente, curando-o. É através desse processo que a "cura milagrosa é realizada.


pranichealing

A Cura Prânica é uma das primeiras formas de terapia aplicadas conscientemente pelo Homem, havendo registros que remontam a milhares de anos em textos sagrados indianos.Tem como objetivo estabelecer o equilíbrio da vitalidade do organismo, detectando e corrigindo desarmonias na sua circulação: deficiências, excessos ou bloqueios. Os seus pressupostos teóricos fornecem a base fundamental para práticas terapêuticas como a massagem, acupunctura, helioterapia (banhos de sol), cristaloterapia e musicoterapia entre outras, e as modernas técnicas de electroacupunctura, cromoacumpunctura, terapia por lazer e ultra-sons por exemplo.


Significado


Prana é uma palavra de origem indiana que quer dizer Energia Absoluta ou Universal, e seu utilizadores afirmam que este elemento é indispensável a todas as formas de vida.

Segundo as escrituras hindus, a Criação (Universo) é composta por matéria, energia e mente. O Prana corresponderia ao conjunto de todas as energias existentes, manifestadas ou não.

O conceito de Prana possui diferentes nomes em diferentes culturas, podendo ser encontrado similaridades com a Energia Vital, Energia da Vida, Bioenergia, Chi (para os chineses), Ki (para os japoneses), etc.

A literatura sagrada hindu afirma que o corpo físico humano é percorrido por energias através de canais sutis, sendo essas energias naturalmente absorvidas pelo corpo através dos alimentos e água que se ingere, do ar através da respiração e do ambiente. O Sol seria a grande fonte física dessas energias, sem o qual não haveria Vida. As plantas (origem dos principais alimentos humanos) transformam energia do Sol em matéria através da fotossíntese.

Sendo o sol a maior fonte de prana vital, a cura prânica relaciona-se então com a helioterapia, também praticada desde a antiguidade e hoje estendida para outras práticas, como para a cura das doenças infecciosas das vias respiratórias, resfriados, gripes, sinusites, otites, bronquites, etc., veja no site "engolindo o sol".

A Cura prânica afirma que quando as nossas energias se desequilibram e as negativas ou residuais não são eliminadas, originam-se bloqueios que podem levar a distúrbios emocionais, psicológicos e com o tempo, a doenças físicas. Estresse, falta de exercício e de descanso, hábitos negativos, alimentação desequilibrada, actividade psíquica desapropriada, situações traumáticas e choques emocionais, por exemplo, podem originar desarmonias que originam sintomas como perda de vitalidade, fadiga, dores sem causa física, depressão, ansiedade ou tristeza sem motivo aparente, irritabilidade, conflitos interiores, dificuldades de concentração, etc.


Formas de tratamento


Tal como a acupunctura, a cura prânica equilibra o fluxo da Energia vital do organismo, restabelecendo a saúde física, emocional e mental. Distingue-se da acupunctura por não utilizar agulhas mas sim técnicas manuais, manipulando determinados pontos e zonas no corpo, detectando e corrigindo bloqueios, excesso ou deficiência de energia. O pranaterapêuta canaliza para o paciente energia vital que absorve do ambiente, por exemplo através da respiração, ou em casos mais avançados, através de canalização espiritual. Neste último caso, trata-se de uma forma de tratamento por imposição de mãos, semelhante ao que por exemplo, fazia Jesus Cristo, alguns Santos, Yogues, espíritas e Místicos de todos os tempos.

A Pranaterapia é aplicada isoladamente ou em conjunto com outras formas de terapia, tanto naturais como convencionais. É também aplicada como adjuvante em pacientes que estão a realizar tratamentos médicos, psiquiátricos ou que estão a submeter-se a psicoterapia.

A pranaterapia propõe-se a equilibrar o sistema energético (aura, chakras e marmas), de forma a equilibrar o corpo físico, a mente e a dimensão espiritual da pessoa. Algumas das indicações são: equilíbrio e vitalização de órgãos internos, fortalecimento do sistema imunitário, revitalização celular, aliviar todo o tipo de dores, depressão, ansiedade, stresse, sintomas psicossomáticos, relaxamento, falta de vitalidade, etc.

De salientar ainda, a importância que as escrituras hindus atribuem ao Prana e à Cura prânica relativo ao desenvolvimento espiritual do Ser Humano. A manipulação e equilíbrio das energias do Ser Humano é de vital importância para o aperfeiçoamento espiritual, em algumas práticas espirituais hindus. Constitui por exemplo, um dos principais passos do Raja Yoga, o Pranayama.

Fontes: http://www.curapranica.com.br/
            http://welcome.to/magia
            http://paginas.terra.com.br/saude/curapranica/nocao.html
            http://pt.wikipedia.org/wiki/Cura_pr%C3%A2nica

 

Adicionar comentário

ATENÇÃO:
- Não utilize os comentários para fazer perguntas ou enviar mensagens à administração do site;
- Não utilize palavrões;
- Não faça comentários ofensivos.

Código de segurança
Atualizar

GoogleNews


Curta nossa página