porcer123/08/2017 - O consumo repetido de pornografia faz com que o cérebro literalmente se reconecte. Ele aciona o cérebro para bombear substâncias químicas e formar novos caminhos nervosos, levando a mudanças profundas e duradouras no cérebro. Acredite ou não, estudos mostram que aqueles que consomem pornografia com mais frequência têm cérebros menos conectados, menos ativos e até menores em algumas áreas. Para ser justo, os estudos mostram apenas que há uma correlação entre o consumo de pornografia e cérebros menores e menos ativos, mas eles levantam a questão: o pornô pode literalmente mudar seu cérebro?

    stflagos1B26/04/2019 - O serviço se refere à contratação de um fornecedor para as refeições servidas pela Corte, conforme suas necessidades. Direção alega que segue padrão do Ministério das Relações Exteriores. O Supremo Tribunal Federal (STF) divulgou nesta sexta-feira, 26, informações sobre um pregão eletrônico para "serviços de fornecimento de refeições institucionais", com gasto estimado de R$ 1,134 milhão.

    bebiner1É estranho como os estudos científicos têm corroborado com o que é visto e conhecido por muitos, contudo, os pontos abrangentes não estão conectados no esquema geral das coisas na “comunidade científica”. Os estudos não levam a qualquer ação corretiva da FDA, tal como reduzir o teor de açúcar em bebidas “energéticas” açucaradas. Um recente estudo da Yale School of Public Health focou em bebidas de alto teor de açúcar, tanto cafeinadas e não cafeinadas.

    lavcer12018 - A manipulação de notícias tem sido um dos métodos de controle e manutenção do poder desde o surgimento da imprensa. Junto com a omissão das informações inconvenientes ou desagradáveis, distorcer a divulgação dos fatos de acordo com objetivos pré-determinados sempre funcionou melhor do que inventar acontecimentos. É menos arriscado do que a invenção pura e simples porque evita desmentidos que podem ser catastróficos, e permite reajustes ...

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco