Criaturas abissais que mais parecem de outro mundo

    abis1A zona abissal é a zona mais profunda dos oceanos e está localizada entre 3.000 e 6.000 metros de profundidade e cobre mais de 50% da superfície da Terra, onde a luz solar é incapaz de chegar e a água é extremamente fria. Sendo o maior ecossistema do planeta, encontramos um nível extremamente elevado de biodiversidade em planícies abissais, com até 2.000 espécie de bactérias, 250 espécies de protozoários e 500 espécies de invertebrados ( vermes, crustáceos e moluscos). Os seres vivos que habitam esse ecossistema chamam-se seres abissais e são dotados de adaptações especiais aquele ambiente, sendo capazes de viverem em altas pressões e a maioria é cega ou tem a visão prejudicada.

    O pescador russo Roman Fedortsov trabalha numa traineira que tem como base, um porto no noroeste da Rússia, numa cidade portuária chamada Murmansk, a 200 quilômetros do Círculo Polar Ártico. Em janeiro de 2016 ele começou a compartilhar nas redes sociais fotos de criaturas abissais que ele estava acostumado a encontrar nas redes de pesca.

    Seu Twitter rapidamente virou sensação com as várias fotos de seres marinhos extremamente bizarros que foram capturados e que mostrava o quão estranho pode ser o mundo submarino a grandes profundidades – onde vivem seres, que para muitas pessoas, podem parecer ter saído de um filme de terror ou onde os protagonistas são seres alienígenas. Entre as criaturas, está o estranhíssimo tubarão cobra (Chlamydoselachus anguineus) ou tubarão enguia, que apresenta várias fileiras de dentes, que é considerado uma verdadeira “relíquia viva” devido às suas características primitivas. Já foram encontrados fósseis dessa criatura datados em 80 milhões de anos.

    Leia também - Os 21 processos judiciais mais malucos que aconteceram no Brasil

    abis2

    abis3

    abis4

    abis5

    abis6

    abis7

    abis8

    abis9

    abis10

    abis11

    abis12

    Leia também - Por que mulheres pagam mais caro em produtos? Entenda a 'taxa rosa' por trás dos preços

    O barco onde Roman trabalha também conseguiu um feito impressionante ao capturar o chamado tubarão fantasma, cujo primeiro registro em vídeo, feito por cientistas usando um veículo remoto, só foi conseguido neste ano. Além destes animais, o barco já tirou do mar outros pescados bem incomuns, como por exemplo, o peixe-espada-preto, que possui dentes enormes e afiados, e um tipo de peixe granadeiro portador de olhos e boca vermelhos. Também foi capturado um artrópode alaranjado com longas pernas, conhecido como aranha-do-mar. De acordo com o Daily Mail, essas estranhas criaturas são submetidas a pressões muito altas por viverem nas profundezas do oceano, e quando algumas delas são trazidas à superfície, podem ter sua aparência original afetada.

    Fonte: http://www.magnusmundi.com

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco