Coca-Cola vende água da torneira

    cocaagua102/03/2004 - A multinacional Coca-Cola, desejosa de implantar-se no mercado britânico de água engarrafada, reconheceu ter vendido, através da sua marca comercial “Dasani”, água corrente da torneira como sendo mineral, ao preço de 1,4 euros cada garrafa de meio litro. Apresentada como “água natural pura” e comercializada em garrafas de plástico azuis claras, que evocam uma fonte natural, a água vendida pela multinacional norte-americana no Reino Unido provém na realidade das torneiras da sua fábrica de Sidcup, no sudeste de Londres, abastecida pela empresa Thames Water, uma companhia britânica de distribuição de água.

    Os lucros amealhados pela multinacional são no mínimo significativos, já que a Thames Water cobra pela mesma água 0,004 euros por cada meio litro. Para defender-se da polémica, uma porta-voz da empresa no Reino Unido, Judith Snyder, alegou que a água é submetida a uma purificação suplementar, com três filtros sucessivos, antes de passar por uma etapa baptizada por “osmose invertida”, que consiste em eliminar do líquido ”todas as bactérias e outros vírus, sais minerais, açúcares, proteínas e partículas tóxicas”, após o que lhe são adicionados minerais “com o objectivo de lhe dar um melhor sabor”.

    Durante a campanha publicitária para lançar a marca “Dasani”, que custou 10 milhões de euros, a Coca-Cola, a maior empresa de refrigerantes do Mundo, afirmou que a nova marca de água era depurada mediante um processo idealizado pela Agência Espacial Norte-Americana (NASA) para as suas naves espaciais.

    Leia também - O Emburrecimento Deliberado da América

    Entretanto, as explicações avançadas pela porta-voz da Coca-Cola só serviram para complicar ainda mais a situação e aumentar a polémica. Além da Imprensa britânica, que desvendou o escândalo, não ter ficado convencida, a UK Water, associação que agrupa todas as companhias de distribuição de água do Reino Unido, ficou indignada com o facto de a multinacional norte-americana ter insinuado que a água que corre nas torneiras não é de todo potável, pelo que a polémica pode não estar terminada.

    Fonte: https://www.cmjornal.pt/

    Translate

    ptenfrdeitrues