Pantáculos e símbolos mágicos

    a100adEliphas Levi ensinou: “Por trás de toda alegoria mística ou das doutrinas antigas, por trás das estranhas ordens de todos os iniciados, sob o escudo de todos os escritos sagrados, sob a ruína de Nínive ou Tebas, ou das pedras dos velhos templos e da visão das esfinges assírias ou egípcias, nas monstruosas e maravilhosas pinturas que interpretam para a fé da Índia as inspiradas ...

    páginas dos Vedas, nos emblemas dos nossos velhos livros de alquimia, nas cerimônias praticadas como recepção por todas as sociedades secretas, são encontradas indicações sobre a doutrina que em todo lugar é a mesma e em todo lugar respeitada”. Assim existe na natureza “uma força que é incomensurável e que um homem, que saiba adaptá-la e dirigi-la, poderá conhecer todo um mundo. Essa força era conhecida dos antigos: é o agente universal, a primeira matéria, a Grande Obra”.

    Nos tratados de magia, dá-se o nome de Pantáculo a um selo mágico, impresso em diversos materiais, como peles de animais, tecidos e metais preciosos e pedras. Considera-se que os Pentáculos têm relação com determinadas realidades invisíveis, cujos poderes eles permitem compartilhar. Eles simbolizam, captam e mobilizam, ao mesmo tempo, poderes ocultos, tanto do Cosmo, dos planetas e estrelas, da Natureza e especialmente dos Mundos Internos do próprio homem, pois se sabe que a energia contida no macrocosmo-galáxia é a mesma contida no microcosmo-homem, lembrando-nos a frase hermética: “O que está em cima é como o que está embaixo, e vice-versa”.

    Os Pantáculos são canais de receptividade da Energia Cósmica. Eles são também símbolos gráficos dos planetas e dos seres espirituais, que regem e dirigem esses corpos planetários. Tais seres podem ser chamados de Anjos, Arcanjos, Querubins, Potestades etc. Devemos lembrar que o que era magia hoje é ciência. O que era religião hoje pode se transformar em fato científico. Hoje, utilizam-se diversos Pentáculos para curar e encontrar pessoas, para a defesa psíquica e harmonia de ambientes. Esses símbolos são hoje estudados pela Radiônica, Radiestesia e Feng Shui.

     

     selo_das_inteligencias_lua selo_espirito_marte_bartzabel selo_inteligencia_tiriel

    selo_espirito_saturno_Zazel selo_espirito_sol_sorath selo_espirito_taphthartarath 

    selo_inteligencia_venusvale selo_jupiter selo_jupiter_hismael

     

    De acordo com essas “novas” ciências, pela Lei de Ressonância, os Pentáculos possibilitam criar estados internos e eventos externos afins aos símbolos contidos neles. Existem Pentáculos para Curar, Harmonizar, Fortalecer Virtudes, Proteger etc. Existem diversas maneiras de usarmos esses símbolos sagrados: pode-se realizar uma simples oração e meditação colocando o símbolo em nosso coração, ou ao lado da cama ou ainda em nosso altar; pode-se também usá-los em complexos rituais para que a Força Magnética desse talismã mágico seja altamente potencializada.

     

    selo_espirito_venus_kedemel selo_inteligencia_jupiter_Jophiel selo_inteligencia_lua

    selo_inteligencia_lua_Phul selo_inteligencia_marte_graphiel selo_inteligencia_saturno_agiel selo_inteligencia_sol_nakhiel

    selo_lua selo_marte selo_saturno

     

    selo_sol 

     

    Eis alguns dos símbolos mágicos que podemos utilizar em nossas práticas sagradas, os quais foram tirados de antigos tratados de Cabala e Magia, tais como As Clavículas de Salomão, o Tarô egípcio e as pinturas do grande pintor-Iniciado Johfra. Também retiramos tais símbolos das obras de grandes Iniciados, como o Abade Tritemo, Paracelso, Cornélio Agrippa, Eliphas Levi e Samael Aun Weor.

     

    Como utilizar símbolos mágicos

    pentaim4


    Por C. Mariette - O símbolo está em relação com você, é um amigo, ele fala e escuta. Tudo é símbolo, ele está em toda parte. Alguns entre nós somos capazes de construir novos símbolos, novos mitos, novas lendas. Para que serve o conhecimento se ele desembocar no vazio? Construir um símbolo é muito mais compensador do que poderíamos imaginar, então porque se privar deste uso legítimo.

    COMO UTILIZAR UM SÍMBOLO ?

    Selecione seu problema, uma dificuldade na vida, um desejo, uma necessidade verdadeira. O que deve fazer? De preferencia, no início, não escolha algo difícil, tudo pede um pouco de treinamento. Antes de correr uma maratona, uma distância de 500m é o suficiente, mas repetindo várias vezes. Por exemplo: No caso de uma doença. Escolha um símbolo relacionado a uma saúde radiante; A imagem de um campeão no momento de seu triunfo ou a lâmina do taro da força, esta dama dominando as mandíbulas do leão. A primeira tem repercussões diretas obre o mental e o físico, o segundo símbolo atinge diversos planos.

    Uma séria reflexão permitirá encontrar o símbolo de sua necessidade, evitando as armadilhas da aparência, como daquelas pessoas que desejaríamos nos tornarmos, mas cuja vida cotidiana é às vezes terrificante. ( estrelas de cinema, manequins, etc…). Crie a imagem de seu desejo, precise , nutra de reflexões como de imaginações. Certos símbolos são poderosos: Om, taça do Graal, o esquadro e o compasso, o pantáculo martinista.

    A TÉCNICA

    Escolhido o símbolo: torne-o visível a seus olhos a todo instante; observe-o regularmente. Para torna-lo efetivo, ele não deve fundir- se na paisagem, deve torna-lo visível não somente para você, mas ainda, e tão pequeno que seja, para todo visitante profano. Algum tempo atrás quando meditava na lâmina do louco do taro, lembro de uma visita que somente conseguiu ver na minha sala esta carta, apesar dela estar em um local relativamente discreto. O efeito se produz, se ele deve ser produzido. Atenção, você poderá receber o que pediu !

    Observe seu símbolo, seja consciente disto que você pediu. Estude-o, desenhe, maravilhe-se com ele. Que o símbolo venha de sua escolha, de uma escolha livre, de uma revista, de um jogo, de um desenho, de um pôster, de uma carta postal, pouco importa se é a sua escolha.Tome consciência dos objetos que estão ao seu redor, e faça sua escolha. Receba a força do arquétipo que escolhestes, ou do conjunto de arquétipos que você necessita. Utilize este conhecimento tanto para você quanto para os outros: “que aqueles que possuam olhos possam ver”.


    Fonte: http://www.gnosisonline.org/
               Martinismo e Cura

     

     

     

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

     Ajude a manter o site no ar.

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco