Verdades Incovenientes

    vacicor112/02/2020 - O governo do Reino Unido concedeu à gigante farmacêutica Pfizer uma indenização legal protegendo-a de ser processada, permitindo que sua vacina contra o coronavírus fosse lançada em todo o país já na próxima semana. O Departamento de Saúde e Assistência Social confirmou que a empresa recebeu uma indenização protegendo-a de ações judiciais como resultado de qualquer problema com a vacina. Os ministros também mudaram a lei nas últimas semanas para dar novas proteções a empresas como a Pfizer, dando-lhes imunidade de serem processadas por pacientes em caso de complicações.

    mardru topo12/10/2018, por Breno França e Otávio Nadaleto - Cada vez mais, pessoas saudáveis fazem uso recreativo de drogas utilizadas em tratamentos para doenças como déficit de atenção para aumentar a produtividade. Em meio a uma crise criativa, o escritor americano Eddie Morra descobriu a solução para sua vida semifracassada. Um pequeno comprimido chamado NZT, assim que ingerido, fazia seu cérebro trabalhar numa velocidade inimaginável. Pensando incrivelmente rápido e com poder de dedução elevadíssimo, Morra ingressou no mercado financeiro, fez sucesso, ganhou status e muito, muito dinheiro. Quem se importaria, nessa situação, com efeitos colaterais como apagões?

    bilio116/01/2017 - Da esquerda para a direita, o clube dos homens mais ricos do mundo: Bill Gates, Amancio Ortega, Warren Buffett, Carlos Slim, Jeff Bezos, Mark Zuckerberg, Larry Ellison e Michael Bloomberg. Os oito homens mais ricos do mundo possuem tanta riqueza quanto as 3,6 bilhões de pessoas que compõem a metade mais pobre do planeta, segundo a ONG britânica Oxfam. A organização de assistência social afirmou que a comparação, questionada por críticos, é resultado de uma coleta mais precisa de dados, e que o fosso entre ricos e pobres se revelou "bem maior do que temia".

    prolento124/03/2018 - Há quase cinco décadas, a União tenta recuperar terras no interior de São Paulo que foram cedidas pelo governo paulista a mais de 20 fazendeiros. Essa, contudo, não é apenas mais uma disputa de posse que se arrasta há anos e foi parar na Justiça. É também o caso mais antigo em tramitação no Supremo Tribunal Federal (STF). Ajuizada em 1969, a Ação Cível Originária (ACO) 158 ostenta o título de ação mais antiga da corte desde março de 2012, quando o tribunal julgou um processo que teve início em 1959 e questionava concessões de terras por Mato Grosso. No mês passado, o caso chegou a ser pautado para julgamento, mas não foi analisado. E, como acabou retirado da pauta, ainda não há data prevista para chegar ao fim.

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

     Ajude a manter o site no ar.

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco