sanguen106/05/2014 - Duas equipes diferentes de cientistas anunciaram que a transfusão de sangue de jovens ajuda a rejuvenescer pessoas mais velhas, consertando o coração e curando cérebros envelhecidos. Falando ao New York Times, o professor de neurologia da Harvard Medical School, Rudolph Tanzi, diz que “essas descobertas podem mudar muita coisa.” Tanzi, que não é associado a nenhum dos estudos, também disse estar “extremamente empolgado” com os resultados das duas pesquisas.

    lockcovi114/01/2021 - Um estudo que avaliou as respostas do COVID-19 em todo o mundo descobriu que as ordens de bloqueio obrigatório no início da pandemia podem não fornecer significativamente mais benefícios para retardar a propagação da doença do que outras medidas voluntárias, como distanciamento social ou redução de viagens. O estudo revisado por pares foi publicado no European Journal of Clinical Investigation em 5 de janeiro e analisou o crescimento de casos de coronavírus em 10 países no início de 2020.

    plasneu1Maria Alice Fontes - Uma grande quantidade de pessoas acredita que os danos cerebrais são irreversíveis, ou seja, uma vez ocorrido um problema neurológico, não há nada a ser feito para reparar os déficits. O desenvolvimento de recursos tecnológicos no campo científico nas últimas quatro décadas, culminando com a denominação dos anos 90 como a “Década do Cérebro”, foi fundamental para o refinamento das pesquisas nos processos de plasticidade e reabilitação neuropsicológica.

    bitiener topoCristina Criddle, 10/02/2021 - A ferramenta online da Universidade de Cambridge estima que o consumo anual de eletricidade do Bitcoin é maior do que a Holanda, Emirados Árabes Unidos e Argentina. Bitcoin usa mais eletricidade anualmente do que toda a Argentina, sugere uma análise da Universidade de Cambridge. A "mineração" da criptomoeda consome muita energia, envolvendo pesados ​​cálculos de computador para verificar as transações.

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

     Ajude a manter o site no ar.

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco