Lágrimas da Tempestade

    Lgrimas_3HigherThanEagl 14.01.2011 - O mundo está chorando. Muitos de seus filhos morreram e outros tantos se desfazem em prantos. Seus outros filhos observam de longe, sentindo toda a dor e a angústia, tentando enviar um pouco de luz, mas afundados na empatia da dor, acabam não tendo a verdadeira consciência destes eventos. As lágrimas que são derramadas estão criando pequenos cristais de amor incondicional entre tantos filhos. Mesmo que tal amor dure por um tempo determinado e depois venha a se esvair, ainda assim o propósito do cenário se vê atingido.

    Tudo tem uma razão de ser. Às vezes não podemos observá-la a olho nu. Às vezes nem mesmo conseguimos pensar a respeito. Mas tudo está lá porque deve estar lá; tudo acontece porque tem de acontecer. Esta é a chance, a experiência que tais filhos devem passar. É o efeito a ser sentido, a colheita a ser feita. O aprendizado a ser vivido.

    Nós, que não sofremos da mesma dor na pele, devemos nos manter em nossos papéis. Devemos nos manter firmes em nós mesmos e compreender que apenas a integridade de nossa luz e amor é o que pode ajudá-los. Não devemos sentir dor pelos outros. Eles não precisam de mais dor. Eles precisam de amor, consciência, luz e paz em seus corações para superarem esta luta desigual. Agora, totalmente abertos à sua própria natureza, estes filhos estão agindo conforme a divindade que existe em cada um. A luz que vemos em forma de solidariedade é a verdadeira natureza humana, que só pode aflorar quando não há mais nada a lhes tirar a atenção.

    Vocês, queridos leitores, o que sentem ao vê-los chorar? O que sentem quando vêem a destruição e tantas mortes? Se compartilham da dor, da tristeza, da angústia, ainda não têm luz o suficiente dentro de seus corações.

    Essas tragédias não serão as últimas, incontáveis outras virão. Os tempos são duros e nós devemos ser os pilares da humanidade nos próximos instantes dessa história. No momento correto, será exigido de nós que iluminemos aqueles que precisam ser iluminados. E se vocês sentiram a dor, precisarão aprender a transformá-la em amor, em luz. A divindade não sente dor pelo próximo, sente compaixão; a divindade não envia sentimentos de tristeza, envia amor; a divindade não chora pela angústia alheia, expira luz.

    O espírito continua. Sempre continua. A morte é a libertação. A libertação pode vir com dor ou não, mas sempre vem. A transcendência é a qualidade do espírito e todos vocês, queridos leitores, devem se lembrar disso quando virem ou ouvirem a respeito de tragédias como estas. Assim como quando passarem pelas mesmas.

    Brasil, Austrália, Alemanha, Filipinas, Sri Lanka, China, e a contagem continua indefinidamente. Todos estão sendo derrubados pela chuva, pelo clima. Alguns já estão até acostumados, embora ainda indignados, como São Paulo, por exemplo. Outros estão sendo completamente arrancados de suas vidas, vide Rio de Janeiro e Austrália. A questão é: até que ponto vocês podem lidar com tudo o que será visto, queridos leitores?

    Vejam que este é apenas o começo. Há mais por vir, muito mais. A mídia faz seu papel antagônico ao explorar a dor de maneira obtusa, levando para as casas toda a tristeza alheia, criando uma bolha de emoções angustiadas e que servem unicamente para aumentar a si mesmas. Os que dormem vêem, choram, rezam, mas se cortam por dentro, sentem o medo de algo assim acontecer com eles e seus familiares. "E se fosse comigo?".


    Quando a Escuridão Bater, Acendam o Farol


    Este é o máximo que a Terra irá nos enviar? Não, queridos leitores. Existem quatro elementos básicos, e todos ainda serão explorados de diversas maneiras. Vulcões e explosões solares,  FOGO; chuvas, enchentes, as possíveis tsunamis, nevascas,  ÁGUA; furacões, tornados e ciclones tropicais, VENTO; terremotos, deslocamentos e deslizamentos, TERRA. Possibilidades reais, e que devemos estar prontos para superá-las.

    O medo que está instalado não será nem 10% do que poderemos ver ainda em vida. A desinformação, a falta de preparo de nossos governantes, a mídia espalhando o medo de forma passiva, tudo isso amplia a situação, mas mesmo assim nada do que está acontecendo sequer pode descrever o que a Terra irá passar nos próximos anos. E por isso todos aqueles que tem consciência disso, que sabem que tudo é um processo natural que acontece de tempos em tempos neste planeta, que sabem que o corpo é apenas um veículo, o espírito continua, todos esses devem dar o exemplo, manter-se firmes, amorosos e ter a compaixão, mas nunca o medo.

    Conversem consigo mesmos, cada um de vocês. Entrem em si mesmos, na paz da escuridão por detrás de seus olhos e peçam para relembrarem. O quê? O sentimento de pureza que já sentiram anteriormente diante de adversidades dessa magnitude. Muitos de vocês já passaram por isso em outras vidas; muitos de vocês já têm a luz pronta para ser acesa; muitos de vocês já são faróis em potencial. Peçam que seus Eus Superiores lhes enviem o mesmo sentimento de amor e paz, pois isso lhes indicará a direção e lhes dará o fôlego para suportarem qualquer coisa que venha a acontecer.

    Mas como sempre dissemos, não pensem no que poderá acontecer. Vocês sabem das possibilidades, mas não devem se apegar a elas. As pessoas estão passando por um inferno nestes dias, mas elas não precisam que nós aumentemos tal inferno. Se tiverem a necessidade de manterem-se informados sobre estes eventos, não dêem mais do que a atenção devida. A sua tarefa é ser um farol e é isso que precisa fazer nestes tempos. Enquanto a escuridão cai sobre o mundo, vocês devem trazer a luz.

    E muitos de vocês poderão ver parentes também deixando seus corpos, e isso não os deve abalar. Lembrem-se de que tudo tem um motivo de ser; que cada um que desencarna já fez o que tinha que fazer em vida. Acima da verdade, há sempre uma verdade maior, não duvidem disso. Aprendam a colocar suas divindades em prática. Aprendam a deixar que a vida siga seu curso. Aprendam a dizer adeus.

    Paz e Luz a Todos.
    HigherThanEagle

    PS: Assistam ao vídeo abaixo. Ele será seu dever de casa. Vocês estão prontos para dizerem adeus? Comentem.
     
    Link do video: http://www.youtube.com/watch?v=wC6K08gDXq8&feature=player_embedded
     
    Fonte: http://particulasdafonte.blogspot.com/2011/01/lagrimas-da-tempestade.html

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

     Ajude a manter o site no ar.

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco