Elixir ou poção demoníaca?

    elixi2Anúncios antigos do "milagroso" Elixir de Nogueira, "O Grande Depurativo do Sangue", anunciado inclusive como o único para a cura da sífilis. A fórmula foi criada pelo farmacêutico químico João da Silva Silveira, composto de nogueira, salsa, caroba e guáiaco, remédio aprovado pela antiga "Junta de Hygiene do Rio de Janeiro". O sucesso do remédio, assim como tantos outros da época, deveu-se à missiva propaganda aliada aos "extraordinários" benefícios supostamente advindos do famoso elixir, que sempre fazia uso de testemunhos de pessoas que teriam recebido a cura com o uso do medicamento.

    O prédio do Elixir Nogueira foi um dos mais polêmicos do Rio. Projetado pelo arquiteto italiano Antonio Virzi, um dos mais desconhecidos e excêntricos arquitetos que já passaram pelo Brasil. Localizado na Glória, na Rua da Glória, 214.

    Construído no ano de 1916, em estilo Art Nouveau, era um prédio bem avançado para época. Mas certamente o mais impressionante era o conjunto escultório no nível da rua, onde ninfas, gárgulas, fitas alegóricas se entrelaçavam numa tonalidade mais clara que o resto da edificação, praticamente “pulando no colo” dos passantes na rua.

    Leia também - O curioso colugo

    Foi tombado pelo DPHA-GB em 1968, mas misteriosamente foi "destombado" em 1970, sendo demolido logo em seguida. Reza a lenda que a Igreja Católica teria sido a responsável direta pela destruição do prédio, pois acreditava-se que Virzi não teria feito essa e outras obras apenas por arte. Insinuava-se uma teoria conspiratória meio luciferiana, que envolvia até mesmo a fórmula do Elixir, ou melhor "a poção", como foi chamada. Ou seja, para alguns o prédio era maldito e deveria ser demolido a qualquer custo.

    elixi1

    elixi6 elixi5

    Anúncios antigos do Elixir de Nogueira

    Anúncios antigos do "milagroso" Elixir de Nogueira, "O Grande Depurativo do Sangue", anunciado inclusive como o único para a cura da sífilis. A fórmula foi criada pelo farmacêutico químico João da Silva Silveira, composto de nogueira, salsa, caroba e guáiaco, remédio aprovado pela antiga "Junta de Hygiene do Rio de Janeiro".

    elixi3

    elixi4

    Leia também - Cão é picado três vezes por cobra para salvar menina de sete anos

    O sucesso do remédio, assim como tantos outros da época, deveu-se à missiva propaganda aliada aos "extraordinários" benefícios supostamente advindos do famoso elixir, que sempre fazia uso de testemunhos de pessoas que teriam recebido a cura com o uso do medicamento.

    Pesquisa: Juliana Fiúza
    Fonte: Débora Muniz; Iba Mendes.

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

     Ajude a manter o site no ar.

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco