evinu124/01/2014 - Vidros do deserto da Líbia, jóias de 26,6 g (foto ao lado). Sete anos após os testes nucleares em Alamogordo, Novo México, Dr. J. Robert Oppenheimer, o pai da bomba atômica, estava lecionando em uma faculdade quando um aluno perguntou se era o primeiro teste nuclear realizado. “Sim, nos tempos modernos”, ele respondeu. A sentença, enigmática e incompreensível àquele tempo, era na verdade uma alusão a antigos textos hindus que descrevem uma catástrofe apocalíptica sem qualquer relação com erupções vulcânicas ou qualquer outro fenômeno conhecido.

    frequecer125/07/2015 - Das muitas teorias da conspiração que fazem parte do cotidiano, talvez você nunca tenha ouvido (literalmente) falar de uma que trata sobre os efeitos que as frequências sonoras podem ter sobre os seres humanos e de como elas estariam sendo utilizadas com propósitos pouco nobres. O estudo das frequências sonoras não é algo novo. Giuseppe Verdi (1813-1901), estudioso e considerado o maior compositor de óperas italiano de todos os tempos, afinava seus instrumentos em 432 Hz.

    cilingi1Prova de Tecnologia Avançada. No final do século XIX (19) o arqueólogo Flinders Peter fez uma descoberta de um lugar incrível perto das pirâmides de Gizé. Este é um cilindro de granito de 4500 anos que é armazenado em seu Museu de Arqueologia egípcia do prestigiado Petri localizado em Londres. O objeto foi catalogado como “UC16036”, mas tornou-se conhecido como “Core 7”. Mas o que esta descoberta arqueológica tem especial, além de ser um fragmento da história?

    giganru topoSomente agora se começou a saber que em 2002, uma patrulha dos EUA se perdeu e desapareceu em uma área muito remota do Afeganistão. Outra patrulha foi despachada em uma missão de busca e resgate, e um soldado naquela patrulha descreveu o que viu depois de dar a volta pelo lado de uma montanha: “Era um homem de pelo menos 12 a 15 pés (3,60 a 4,50 metros) de altura. Aquilo era um MONSTRO.

    Translate

    ptenfrdeitrues

     

     

     Ajude a manter o site no ar.

     

    Curta O Arquivo no FacebookCurta O ARQUIVO no Facebook

    O Arquivo

    Sobre  |  Fale Conosco